A necrópole de Via Triumphalis

Atrações 0 651
A necrópole de Via Triumphalis

O subsolo do Vaticano esconde tesouros de tempos passados que pouco a pouco se vão descobrindo e estudando. Em boa hora, estes espaços em que o tempo permaneceu congelado, vão-se abrindo hoje ao público e contribuem para acrescentar um enorme interesse cultural e arqueológico à cidade do Vaticano.

Neste momento ocupamo-nos da chamada Necrópole da Via Triumphalis, constituída por uma série de escavações arqueológicas subterrâneas que não se deve confundir com a necrópole vaticana, situada por baixo da basílica onde se encontrou o túmulo de São Pedro, com a qual partilha características comuns, embora tenha outra localização e  um procedimento de visita  diferente.

O que agora nos ocupa é a Necrópole da via Triumphalis construída nos tempos romanos e descoberta, acidentalmente, por ocasião das obras de construção do parque de estacionamento subterrâneo, realizado em 1956, por iniciativa do Vaticano e situada debaixo do solo dos Jardins Vaticanos.

Que ver na Necrópole?

A Necrópole ou cidade dos mortos é um conjunto de mausoléus, sarcófagos finamente esculpidos, estátuas, estuques, mosaicos, frescos e baixos relevos, com epígrafes que narram as vidas daqueles que descansam nas ladeiras dessa antiga colina.

A visita realiza-se com um guia multilingue, que é fundamental para descobrir pormenores que escapariam ao visitante leigo na matéria e que nos permitem conhecer a vida das personagens que ali foram enterradas há milénios.

A visita faz-se por um caminho marcado e sinalizado, que nos permite contemplar perfeitamente o conjunto de sepulturas, os seus pormenores e até, inclusivamente, o seu conteúdo.

Assim, encontraremos túmulos muito interessantes, como o do cidadão Tiberius Claudius, com o busto acompanhado do cão ou o do servo de Nero, Alcimus, cenógrafo do teatro de Pompeyo e representado com um cinzel na mão. No entanto, o grosso da sepulturas pertence a simples cidadãos: trabalhadores, gente da classe média e até pobres.

Curiosidade especial despertam os objetos depositados nas sepulturas: brinquedos de crianças, lâmpadas de azeite, restos de oferendas, ânforas com ossos calcinados e até pinhas que se usaram para a cremação dos corpos.

No total, encontraram-se mais de 1000 túmulos que vão do século I até ao ano 230 depois de Cristo, das quais mais de 50 pertenceram realmente a primeiros cristãos.

A visita guiada completa-se com monitores de ecrã tátil distribuídos por onze locais, com reconstituições virtuais e fichas informativas sobre as sepulturas. Além disso, o suporte didático é complementado por uma série de painéis explicativos e  por dois vídeos, um histórico-documental e outro com reconstituições tridimensionais.

Como visitá-la

A visita realiza-se em grupo ou de forma individual, sempre em turnos fechados e com guia, em grupos de não mais de 25 pessoas. Tem uma duração aproximada de 2 horas.

A reserva pode fazer-se on-line, na web dos Museus Vaticanos e pode ser reservada de forma combinada com outras visitas. Email de reserva: visiteguidategruppi.musei@scv.va. Os idiomas disponíveis são italiano, inglês, espanhol, francês e alemão.

Preço da visita 10€

A visita não é acessível para cadeirinhas de bebé e pessoas em cadeiras de roda ou com problemas de mobilidade. Aconselha-se a levar sapatos cómodos e sem saltos altos.

Valorize esta reportagem

Gostou desta reportagem? Pode valorizá-la de 1 a 5. Obrigado pela sua colaboração.

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (1 votos, média: 5.00 do 5)

Loading...Loading...

Pontos do Editor

  • avaliação
  • Resultado

Classifique este artigo

  • avaliação
  • Resultado

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

O seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Reserva de hospedagem

Datas da estadia

Data de checkin

calendar

Data de checkout

calendar

Sem custos reserva
Cancelamento Gratuito

Experiências de viagem

Os melhores Links

Vaticano em Google+

VisitaroVaticano.com

O nosso site é uma guia do Vaticano para turistas e peregrinos. Oferecemos informação sobre as principais atrações, visitas guiadas, conselhos, transportes e muito mais.

Vaticano nas Redes Sociais

Contato

Você tem alguma dúvida, pergunta ou comentários?
Não hesite em entrar em contato conosco!
Envie um e-mail para
info@trafalgarnet.com